Esculturas feitas com pontas lápis

Quem já teve o "prazer" de pisar em um ouriço sabe como esta experiência é dolorida e desagradável. Eu tive a "sorte" de colocar meus pés sobre estes "adoráveis" crustáceos por duas vezes, juro que foi por acaso. Ao total no meu currículo são 19 espinhos retirados um a um pela minha santa mãe com agulha e álcool. Isso mesmo, preferi ficar dois dias com curativos nos pés a esperar uma semana até eles saírem infeccionados.

close_pencilsA artista sul-africana Jennifer Maestre natural de Joanesburgo, talvez não tenha tido um contato semelhante ao meu com os ditos ouriços, porém fez arte explorando o seu lado mais curioso e belo. Baseando-se nos sentimento de atração/desejo e repulsa/perigo que temos pelos espinhos dos ouriços, Jennifer criou esculturas tridimensionais com lápis de cores exaltando a agressividade das pontas afiadas junto a delicadeza e fragilidade destes seres marinhos.

No processo de montagem das esculturas ela coletou milhares de lápis, apontou e cortou cada um com aproximadamente 2 cm de comprimento. Depois os furou criando pontos onde pudesse uni-los assim formando uma malha de pontas afiadas e unidas como uma rede flexível de espinhos.

Alguns bons exemplos podem ser vistos na pequena seleção que fiz no site de Jennifer Maestre:

Asteridae
aurora
heat wave
luna
ozma
seethe
silkie
Originalmente a técnica era aplicada com pregos, na minha opinião o resultado do seu aprimoramento é muito mais sedutor, as cores e as texturas formadas são de outro mundo. Destaques para a estrela do mar vermelha e a flor amarela e verde. Será que a natureza faria formas tão originais assim?!

Fontes: Hub Pages, Jennifer Maestre

Posts relacionados Related Posts with Thumbnails

3 comentários:

cah disse...

aah, muito foda!!!
amei!

;*

lflavios disse...

Sebas, vocês sempre conseguem me impressionar...

Muito bom!

Id disse...

Coisa de maluco heim!
Aja paciência!

Postar um comentário